TERRA NATIVA FM, 91,1

INTERNET VIA FIBRA ÓPTICA, TEM NOME.

segunda-feira, 25 de abril de 2016

PRF FLAGRA 103 MOTORISTAS BÊBADOS E 744 ULTRAPASSAGENS IRREGULARES DURANTE A OPERAÇÃO TIRADENTES NO PARANÁ

Outros 11,3 mil veículos foram flagrados acima da velocidade máxima permitida; 11 pessoas morreram em cinco dias de operação, uma a mais que no feriado de 2015.

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) notificou 103 motoristas por dirigir sob a influência de bebidas alcoólicas no Paraná durante o feriado prolongado de Tiradentes deste ano.


Ao longo de cinco dias de operação no estado, a PRF também flagrou 744 casos de ultrapassagens irregulares. Outros 11.375 veículos tiveram as imagens de suas placas registradas por radares operados por policiais rodoviários federais.

A PRF registrou 11 mortes (uma a mais do que ano ano passado), 153 feridos e 140 acidentes em território paranaense. A Operação Tiradentes começou na quarta-feira (20) e terminou no domingo (24).

Na mesma operação de 2015, dez pessoas morreram nas rodovias federais do Paraná. Outras 118 ficaram feridas e 192 acidentes foram registrados.

Ao menos em parte, a redução do número de acidentes está relacionada à implantação do registro de ocorrências sem vítimas pela internet, em vigor desde junho do ano passado. Esse serviço permite o registro em até 60 dias, diretamente pelos envolvidos nos acidentes.

A PRF recolheu ainda 189 veículos a seus pátios, por diferentes irregularidades. Quinze carros com alerta de roubo ou furto foram recuperados. Os policiais rodoviários federais apreenderam 18,5 quilos de cocaína e 222,3 quilos de maconha.

Mais de 4,6 mil pessoas foram atingidas por ações educativas desenvolvidas pela PRF, a maioria delas passageiros de ônibus de viagem, alertados sobre a importância do uso do cinto de segurança.

SOBRE OS ACIDENTES COM MORTES

Cinco das 11 mortes do feriado deste ano ocorreram em um único acidente, na tarde da última quinta-feira (21) em Cascavel, oeste do Paraná. Dois carros colidiram frontalmente após um deles realizar uma ultrapassagem em local proibido, na BR 369.

No momento da colisão, o motorista causador do acidente ultrapassava pelo acostamento da faixa contrária um veículo que, por sua vez, já ultrapassava um terceiro em uma curva onde a manobra é expressamente proibida pela sinalização.

As outras seis mortes ocorreram em seis colisões distintas --dois tombamentos, uma colisão transversal, um capotamento, uma colisão lateral e uma saída de pista seguida por colisão contra uma árvore.

Entre as causas dos acidentes com mortes durante o feriado, além das ultrapassagens indevidas, estão velocidade incompatível e falta de atenção, conforme os policiais que atenderam as ocorrências.

Em dois desses casos, as vítimas mortas estavam em motocicletas. Uma outra era pedestre que andava no acostamento quando foi atingida por um caminhão carregado de madeira, que tombou na BR 277, em Guaraniaçu, no final da tarde da última sexta-feira (22).

Balanço da Operação Tiradentes 2016 da PRF no Paraná (20 a 24 de abril):
- 11 mortos;
- 153 feridos;
- 140 acidentes;
- 103 flagrantes de embriaguez ao volante;
- 744 autuações de ultrapassagem indevida;
- 11.375 imagens de veículos acima da velocidade;
- 4.654 pessoas atingidas por ações educativas;
- 189 veículos recolhidos por diferentes irregularidades;
- 48 crianças sem cadeirinha, assento de elevação ou bebê-conforto;
- 15 veículos roubados recuperados;
- 222,3 quilos de maconha apreendidos;
- 18,5 quilos de cocaína apreendidos.

Fonte: PRF Paraná

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

COTAÇÕES

Projeção da população do Brasil

Projeção da população do Paraná